quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

Oscar Niemeyer partiu para outra...


... melhor, espero eu. Este homem brilhante, um grande artista, apreciava arquitetura e as curvas das mulheres. Fez escola e deixou 600 obras em vários países do mundo. Viveu 104 anos. Amava viver. Fazia tudo com grande sensibilidade e paixão.
Nos 50 anos de Brasília, deixei aqui os parabéns a este poeta das formas. Já se encontrava doente e não compareceu às comemorações.
 Até sempre, Oscar.

Sem comentários:

Enviar um comentário