segunda-feira, 17 de outubro de 2011

"Uma viagem com Platão" de Robert Rowland Smith

Robert Rowland Smith no seu recente livro "Uma viagem com Platão" (já traduzido em português) valoriza a crise como fator positivo, donde pode emergir uma forte estímulo ao pensar, à reflexão crítica e à consequente busca de soluções.
Diz ele que pensar ainda é de graça, não custa nada e ainda pode resolver problemas. Convida-nos a dar um passeio com Platão pelos momentos mais marcantes da nossa vida, revisitando-os com os olhos da Filosofia.


Smith não deixa de ter alguma razão, pois segundo alguns teóricos, constatamos que, ao longo da História, é muitas vezes das crises que emergem novas etapas, decisivas para a renovação (ou evolução) da Humanidade. 
Será assim? Há sempre quem goste de ver o copo meio cheio. O meu, em particular, está decididamente meio vazio. Pessimista, eu! Mas o livro é de apetite. Não fora... a crise!

Veja aqui o vídeo com as declarações deste filósofo britânico e a entrevista à TVI24.

(Obrigada à Ana Silva pelo envio do link).

Sem comentários:

Enviar um comentário