quarta-feira, 13 de abril de 2011

Otelo Madaleno

Otelo Saraiva de Carvalho, um dos militares obreiros do 25 de Abril diz que se soubesse o que o país é hoje, não teria feito a revolução. Era realmente só o que faltava ouvir!
Um auto de arrependimento? 
Era então melhor que continuássemos até hoje no regime do Estado Novo????
Onde irá terminar a crise (que é política, social e ética) não sei, mas a insanidade e os disparates deste calibre é que não são mesmo desejáveis.

Para ler aqui.

5 comentários:

  1. Cómico, realmente, Helena.

    Aquele abraço.

    PauloPrudêncio

    ResponderEliminar
  2. Triste, Paulo, isso sim! :-(
    Um abraço.

    ResponderEliminar
  3. Fico indignado só de pensar que Otelo, um dos homens que ajudaram a construir o país livre onde eu nasci, consideram a Ditadura uma opção. Como é possível que alguém diga que é melhor viver num regime autocrático do que em Democracia?! Apesar de imperfeita, ela assegura muitos direitos fundamentais, sendo o principal a LIBERDADE! Com letra maiúscula, sim, para que aqueles que hoje não lhe dão muita importância possam reflectir sobre o seu verdadeiro significado...

    ResponderEliminar
  4. Subscrevo absolutamente!
    Nem compreendo como é que se pode colocar a questão deste modo.
    Penso que a pertinência e a necessidade/oportunidade do 25 de Abril devia ser inquestionável, já que a liberdade é um dos direitos fundamentais da humanidade, consignado na carta universal dos direitos humanos, e, como tal, de valor consensual.

    ResponderEliminar
  5. Só uma pessoa muito, muito triste e desiludida por ver tão mal aproveitadas e desperdiçadas todas as oportunidades resultantes de tanto esforço e entusiasmo, pode num desabafo ter dito algo semelhante. Não sei se está gravado o que defato disse e em que contexto. Como todos sabemos Otelo é muito impulsivo e sempre fala e falou um pouco demais em relação ao conveniente. Contudo devia estar mais maduro e pensar e medir melhor as palavras. Mas a dizer disparates não nos falta gente. O que se está a viver é muito complexo. Só o tempo fará história, como sempre. Mas que não pode nem deve haver comparações, isso é indiscutível. Tita Fan

    ResponderEliminar