quinta-feira, 10 de maio de 2012

Hoje acendeu-se a chama Olímpica


Sempre que há Jogos Olímpicos, seja em que parte do mundo for, a chama olímpica é acesa numa cerimónia própria, na cidade-berço dos Jogos, Olympia, na Península do Peloponeso, Grécia, como acontecia na Antiguidade e em honra aos deuses.
aqui referimos este assunto e a sua história.
Ainda hoje se repetiu este ritual, que se tem mantido ao longo do último século, e a chama será transportada por muitos estafetas, ao longo de milhares de km, até Londres, onde chegará a 27 de julho, data do início dos Jogos de 2012. 
Nessa altura, no estádio olímpico em Londres, um atleta subirá, como é tradição, até um local onde se encontra uma pira, e com a tocha que transporta, irá incendiá-la, num dos momentos simbólicos mais bonitos de toda a competição. A pira permanecerá acesa até ao final dos Jogos.




A actriz Ino Menegaky teve a honra de acender a tocha olímpica
"A Chama Olímpica é um dos símbolos dos Jogos Olímpicos, e evoca a lenda de Prometeu que teria roubado o fogo a Zeus para o entregar aos mortais. Durante a celebração dos Jogos Olímpicos antigos, em Olímpia, mantinha-se aceso um fogo que ardia enquanto durassem as competições. Esta tradição foi reintroduzida nos Jogos Olímpicos de Verão de 1928." (Wikipédia) 
Spyros Gianniotis, nadador olímpico grego, nascido na Inglaterra 


Notícia aqui. Vídeo aqui.

2 comentários:

  1. Acabei de ver! Por hoje a Grécia serenou...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Por instável que esteja o país, há coisas da Cultura e da tradição de que os gregos não prescindem e nem o Comité Olímpico Internacional abdicaria, como esta belíssima festa!

      Eliminar