segunda-feira, 9 de maio de 2011

Moura BD 2011, os autores


O Salão de Banda Desenhada de Moura é um festival internacional que já vai na sua XVII edição e vai passar a ser bienal. Reune os melhores autores de Portugal e tem sempre convidados estrangeiros ilustres. Este ano foi o caso de Tito, autor espanhol, residente em França.

O seu director, Carlos Rico, é um excelente anfitrião, que proporciona aos convidados o melhor da terra em termos culturais, como visitas aos museus, concertos de música, provas gastronómicas e também visitas guiadas aos pontos especiais da exposição.

Deixo aqui alguns apontamentos do fim de semana do encerramento deste festival, a não perder.


Momentos de cumplicidade entre Luís Diferr e Tito

O autor português João Amaral e esposa

Autores (da esq. p/ dir.) Victor Mesquita, José Pires e José Ruy 


Em cima (por trás): Jorge Magalhães e Nelson Dona, director do Festival da Amadora.
Ao centro (da esq. p/dir.): José Ruy, Luís Diferr, Geraldes Lino, Victor Mesquita, Tito e Luiz Beira, comissário da exposição.
Em baixo (da esq. p/ dir.) João Amaral, Carlos Rico, director do Salão Moura BD e Catherine Labey.


Tito, Monique, (viúva de Carlos Roque, desenhador que trabalhou nas revistas Spirou e Tintin), Carlos Rico, Victor Mesquita e Luiz Beira

Fotos: Pérola de Cultura, Moura, 2011

1 comentário:

  1. Grande reportagem daquele que para mim foi um fim-de-semana em grande. mas eu já sabia ao que é que ia, pois sei de anos anteriores que o Carlos Rico não brinca em serviço. Entretanto nas fotografias vi lá gente conhecida, mas há um tipo que num conheço de lado nenhum, eh! eh! eh! Bjs e um abraço aí ao grande desenhador.

    ResponderEliminar