segunda-feira, 1 de novembro de 2010

Brasil no feminino


Dilma Rousseff está a ponto de ser confirmada como chefe de estado no Brasil. A primeira mulher presidente naquele país.
Não sei o que irá fazer: continuar as políticas de Lula da Silva será o mais expectável, já que foi ele o seu mentor.
Mas só por si a eleição de uma mulher, num país multicultural e maioritariamente de tradição católica, dá-me alguma satisfação. Pelo menos por agora.

"É forte: enfrentou tortura e um cancro. Tem fama de intelectual: Zola, Proust, Sófocles. Como guerrilheira, foi política: nunca disparou um tiro a sério. Como política, foi técnica. Isto chega para governar o Brasil? O PÚBLICO falou com quem conheceu Dilma Rousseff ao longo dos anos."

Ver mais no Público.

6 comentários:

  1. De fato , Lelé,
    para a maioria dos brasileiros é uma aposta às cegas, como ressaltaste bem, só o fato de ser a primeira mulher a governar a nação brasileira(tradicionalmente machista e desigual)já traz algum conforto e expectativa de mudanças positivas.
    Vamos ver. Só o tempo dirá!
    Um grande abraço,
    Calu

    ResponderEliminar
  2. C'est très intéressant comme élection!!! Les femmes peu à peu arrivent aux plus hautes fonctions de l'Etat. Si en plus sa vocation est humaniste, c'est formidable.

    ResponderEliminar
  3. Lula da Silva revolucionou o Brasil de uma forma que muita gente não achava possível. Tornou uma Economia fraca e dependente numa potência mundial, desenvolveu os aspectos sociais fundamentais como o sistema de Saúde e criou infraestruturas básicas como Hospitais e Escolas. Para quê mudar uma política que está certa?! A Dilma cabe a dura tarefa de suceder ao mais popular (e melhor) presidente daquele país! Esperemos que a desempenhe com a mesma energia e garra que o seu antecessor!
    P.D.

    ResponderEliminar
  4. Calu
    Foi isso que me agradou. Um país ainda com algum atraso nas mentalidades eleger uma mulher é um sinal positivo de mudança; muito bom, como princípio.
    Senti o mesmo tipo de contentamento quando Obama foi eleito nos EUA, embora por razões distintas.
    Obrigada pelo comentário.
    Um abraço e parabéns por todos os brasileiros.

    ResponderEliminar
  5. Chère Claudie

    Sont des vents de changement qui arrivent au nouveau monde. Les traditions de juger la femme par sa faiblesse sont à point de tomber.
    Heureusement les peurs irrationnels peu à peu finiront par disparaitre.

    Bisou e bonnes vacances de Toussaints.

    ResponderEliminar
  6. Caro P.D.

    Costumamos dizer em Portugal "na equipa que está a ganhar não se mexe", não é?

    Julgo ser esse o sentido do seu comentário.

    Obrigada pelo entusiasmo. Espero que daqui por um ano ou dois o possamos ambos manter... ;-)

    ResponderEliminar