quinta-feira, 6 de janeiro de 2011

Feliz dia de Reis

Wiseman Adoration (c)Murillo

O Dia de Reis, segundo a tradição cristã, seria aquele em que Jesus Cristo recém-nascido recebera a visita de "alguns magos do Oriente" que, segundo a lenda, foram três Reis Magos, e que ocorrera no dia 6 de Janeiro. A noite do dia 5 de Janeiro e madrugada do dia 6 é conhecida como "Noite de Reis".

A data marca, para os católicos, o dia para a veneração aos Reis Magos, que a tradição surgida no século VIII converteu nos santos Belchior, Gaspar e Baltazar. Nesta data, ainda, encerram-se para os católicos os festejos natalícios - sendo o dia em que são desarmados os presépios e por conseguinte são retirados todos os enfeites natalícios.

Em alguns países, como Espanha, é estimulada entre as crianças a tradição de se deixar sapatos na janela com ervas antes de dormir para que os camelos dos Reis Magos se possam alimentar e retomar viagem. Em troca os Reis magos deixariam doces que as crianças encontrariam no lugar das ervas após acordar.

A tradição também consiste em comer Bolo-Rei, no interior do qual se costumava encontrar uma fava e um brinde escondidos. A pessoa que encontra a fava deveria "pagar" o Bolo-Rei no ano seguinte. Em França come-se "Buché a la Renne" onde também encontram um brinde no seu interior; a buché também costuma trazer uma coroa e quem encontrar o brinde será coroado como rei.

Em Portugal e também noutros países as pessoas que moram em pequenas terras costumam ir cantar os reis de porta em porta para receber goluseimas ou outras ofertas. Esses cânticos ficaram conhecidos como "As Janeiras".


William Shakespeare é autor da peça teatral "Noite de Reis" (no original inglês chama-se Twelfth Night, Or What You Will). Trata-se de uma comédia romântica que conta a história de um triângulo amoroso composto pelo duque de Orsino, Lady Olivia e Viola, sobrevivente de um naufrágio. Como sempre, nas peças de Shakespeare há intrigas e equívocos bem urdidos para prender a atenção do leitor/espectador até ao desenlace final.

(Fonte de informação: Wikipédia)

6 comentários:

  1. I translated, via Google, your interesting post. I also wrote a post on the 6th of January, but it is different as it is the date that the Eastern Orthodox Christians celebrate Christmas. I like reading about history and enjoyed learning about the tradition of leaving shoes with herbs for the camels.

    ResponderEliminar
  2. Beautiful painting, Héléna!!! I love it particulary today as it is my birthday!!!

    ResponderEliminar
  3. Chère Claudie
    Joyeux Annniversaire et une bonne recupération.
    Gros bisou.

    ResponderEliminar
  4. Dear Vagabonde
    Enjoy as much as possible the Kings Day.
    Kisses and hugs.

    ResponderEliminar
  5. Gostei muito do artigo e, em especial, da fabulosa escolha da música! Tem para mim um simbolismo muito especial pois na minha família existe a tradição de, na noite de natal, se cantar ao som das guitarras! Esta música, à semelhança de muitas outras do Zeca, é uma das que não pode faltar! Desde pequeno que sei a letra de cor (sempre gostei especialmente do "pampararariri-pampararariri-pam-pam-pam-pam")! Muito obrigado por me ter feito relembrar uma vivência tão especial!

    ResponderEliminar
  6. A música do Zeca é linda, vai às raízes populares, e, por isso mesmo, é intemporal!

    ResponderEliminar