domingo, 16 de janeiro de 2011

José Ruy e a história do "Mosquito"


"Ainda em actividade, é o autor português com mais álbuns publicados, tendo iniciado o seu percurso aos quadradinhos no "Papagaio", com apenas 14 anos. Depois, passou por quase todas as publicações nacionais, entre as quais o "Mosquito", de que é um dos últimos desenhadores vivos, cujas memórias agora evoca."

«Comemorámos o 75º aniversário da saída d’O Mosquito 1ª série, e o 50º aniversário do que eu editei com o Ezequiel Carradinha, que curiosamente coincidiram», adiantou-me hoje o José Ruy.


Para os amantes da Banda Desenhada, a história toda aqui.

2 comentários:

  1. É sempre um prazer ver o mestre em acção, que continua com a mesma energia dos tempos do "Mosquito".

    ResponderEliminar
  2. É verdade! Que tenha muitos mais anos de vida para nos ensinar!

    ResponderEliminar