sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

Sumo de romã contra o cancro do colon


Foi observado em estudos recentes que os polifenóis presentes no sumo de romã (chamados ellagitanninos), podem desempenhar um importante papel contra as células cancerosas no colon, reduzindo em 85% a sua capacidade de proliferação, bloqueando um enzima-chave que normalmente converte certos compostos presentes nos alimentos em carcinogénios.

A romã, que é um fruto mais bonito à vista do que saboroso, é muito usado em arranjos decorativos das mesas e foi ao longo dos tempos, inspiração para muitos pintores.

(Pintura de Henri Fantin-Latour)

A romã está a ser hoje redescoberta pelo seu interesse como um poderoso anti-oxidante, juntamente com outros tantos frutos vermelhos. Se é verdade que as suas bagas podem não ser agradáveis de mastigar e quase não têm sabor, então o melhor é reduzi-las a sumo.


Pode-se juntar as bagas da romã com outros frutos do bosque, alguns daqueles "berries" de gosto amargo, mas igualmente benéficos para a saúde e fazer um sumo: mirtilos, framboesas, amoras, groselhas ou morangos; triturar tudo, se for necessário juntar um pouco de água mineral, e já está! Vai obter um sumo vermelho, aveludado e poderosamente saudável!
Deve tomá-lo de imediato, mas não se esqueça: não junte açúcar para não estragar tudo, ok?
  
(Para mais informação sobre as propriedades químicas da romã clique aqui.)

Sem comentários:

Enviar um comentário