sexta-feira, 8 de março de 2019

Direitos das Mulheres


Soube do e-mail do ministro da Educação para que todos os funcionários da Av. 24 de Julho se concentrassem na esquina com a Av. Infante Santo às 12 horas para honrar o dia de luto nacional pelas vítimas da violência doméstica, que, infelizmente, continua a registar números absolutamente alarmantes.
Não só hoje mas em todos os restantes dias do ano, é mais do que tempo de encarar as mulheres como parceiras, com direitos iguais e não mais como seres inferiores e sacos de pancada.

Sem comentários:

Enviar um comentário