quarta-feira, 13 de outubro de 2010

Em memória de Maria Paula Ribeiro


 

Quem passou pela vida em branca nuvem,
E em plácido repouso adormeceu;
Quem não sentiu o frio da desgraça,
Quem passou pela vida e não sofreu;
Foi espectro de homem, não foi homem,
Só passou pela vida, não viveu.

(Francisco Otaviano de Almeida Rosa)

À memória de Maria Paula Ribeiro, que, embora ainda jovem, deixou de lutar pela vida há um ano.
Dedicada e generosa, esta professora desempenhou funções no ensino da História na Escola Secundária D. João V durante muitos anos. Ali será recordada para sempre com gratidão e saudade.

2 comentários: