terça-feira, 21 de abril de 2009

Não fazer juízos pela embalagem


Susan Boyle apareceu num Concurso televisivo para revelar novos talentos na área do canto e assustou o júri pelo seu aspecto rural: apareceu em palco com as sobrancelhas não depiladas, quase sem maquilhagem, além de ostentar um vestidinho lamentável e uns sapatos inenarráveis. O andar então, nem se fala. Todos se riram da figura quase grotesca, no mínimo ridícula.

Perguntaram-lhe porque estava ali. Redundante. "I want to be a singer!". Nova gargalhada. Admirava Elaine Page e propunha-se cantar um tema da Ópera "Les Misérables"...

Expectantes e incrédulos, os membros do júri e o público, deixaram-na começar.
E... nota após nota, frase após frase, começaram a ficar estupefactos com a voz desta criatura, vinda de detrás das estevas ou dos rebanhos, do fim do mundo, sei lá!

A mulher revela-se a cada estrofe um portento vocal, com uma força, uma segurança, e uma afinação sem hesitações, que, dir-se-ia ter andado desde pequenina a ter aulas de canto nas melhores escolas de Londres.

Quando terminou de cantar foi muito aplaudida e a sua natural timidez e falta de hábito de estar em palco levaram-na a sair a correr do palco.
Tiveram de chamá-la para que voltasse e ouvisse o vaticínio do júri. Os seus três membros capitularam, claro, arrebatados, dando-lhe por unanimidade a nota máxima para Susan poder passar à final.

Moral da história: não se pode julgar ninguém pelo seu aspecto. O talento e a embalagem às vezes não são directamente proporcionais!

Oportunamente colocarei aqui o vídeo com a sua interpretação.
----------------------------------------------------------------------------
Última hora: os vídeos do programa foram bloqueados, pelo que não é possível incorporá-los.

Entretanto o programa "Britain's Got Talent" deu uma reviravolta, pois ontem um miúdo de 12 anos, Shaheen Jafargholi, do país de Gales,com a canção "Who's Loving you", de Michael Jackson conseguiu destronar esta escocesa de Blackburn, com 47 anos e desempregada, cujo sonho era tornar-se cantora profissional.

O rapaz arrancou aplausos de pé do júri, incluindo Simon Cowell, produtor e criador dos IL DIVO.


Cartoon de Henrique Monteiro in http://henricartoon.blogs.sapo.pt/

Sem comentários:

Enviar um comentário