sexta-feira, 22 de maio de 2009

Grande telescópio nas Canárias






"São 40 quilómetros de estrada a pique, contornada por falésia, em curva e contracurva, até chegar aos 2400 metros de altitude do Observatório Astronómico de Roque de Los Muchachos, em La Palma, Canárias. É ali que se encontra o Grande Telescópio das Canárias. Bem-vindos ao GranTeCan, ou GTC, o maior telescópio do mundo.

(...) A escolha das Canárias para a instalação do Observatório Europeu do Norte (ENO - formado pelo Observatório de Roque de los Muchachos, em La Palma, e pelo Observatório del Teide, em Tenerife) deve-se também ao pioneirismo do Governo local, que conseguiu ver na Astronomia uma mais-valia para o desenvolvimento e turismo das ilhas e que criou a primeira legislação do mundo sobre o direito ao céu nocturno.

Toda a iluminação pública das ilhas é de baixa intensidade e a luz pública é obrigatoriamente inclinada para baixo, de acordo com a chamada "lei do céu". Adoptada em 1988 e aprovada em 1992, esta legislação acabaria por ser internacionalizada em 2007 com a Declaração sobre a Defesa do Céu Nocturno e Direito à Luz das Estrelas, assinada em La Palma pela Unesco e por um grupo de 23 países, dos quais Portugal não faz parte.

(...) Tal como a pupila do olho, que na presença de muita luz diminui o seu tamanho mas que, na escuridão, aumenta para conseguir captar os fotões, também este telescópio enorme funciona como uma pupila dilatada. De 10,4 metros de diâmetro. A maior pupila do mundo, capaz de recolher 500 giga de informação por noite.

(...) Para a inauguração, marcada para 24 de Julho, quando se completam os 50 anos do regresso da missão Apolo 11 à Terra, depois do primeiro homem ter pisado pela primeira vez a superfície lunar, está programado um concerto intitulado Música das Estrelas, com Bryan May, o guitarrista dos Queen, e Jean-Michelle Jarre. O convite para a festa já seguiu para a Casa Branca e dizem esperar por uma resposta do Presidente Barack Obama."

Ana Machado, Público.PT, 05.05.2009 - 09h38

Sem comentários:

Enviar um comentário