sexta-feira, 29 de maio de 2009

Irregularidades no Concurso de Professores


Recebi este e-mail de um colega professor, que transcrevo, sem quaisquer comentários e omitindo a sua identidade.
Trata-se da cópia de uma carta a enviar aos órgãos de comunicação social denunciando as irregularidades do Concurso de Professores relativamente ao grupo de Informática:


"Caros Senhores

Penso que o abaixo descrito é alvo de investigação e que deve ser dado a conhecer em praça pública.

Existem irregularidades graves no concurso de professores. Este ano só pode concorrer quem é profissionalizado. Visto ser um grupo carenciado, existem milhares de professores de informática que estão a leccionar há anos, sem a referida profissionalização.

Entretanto, além de terminar a profissionalização em serviço, o Ministério da Educação também fechou todos os cursos e mestrados que poderiam conferir a profissionalização destes professores.

Já contactei várias Universidades que tinham estes cursos e algumas responderam que o Ministério da Educação não autorizou a sua abertura. Isto é relevante porque agora só pode concorrer quem é profissionalizado.

Os professores do grupo de informática que já leccionam há vários anos e que ainda não têm a profissionalização, estão sem saída: não podem concorrer nem fazer a profissionalização.

Para agravar a situação, existem alguns professores que concorreram sem serem profissionalizados e, aparentemente, as suas candidaturas foram validadas pelas suas escolas.

Em anexo segue um documento que ilustra uma queixa de um docente que sofre esta injustiça e que mostra uma lista de professores concorrentes e que não têm a profissionalização.

Em relação à identificação da minha pessoa, peço sigilo e, pelo bom senso, as pessoas que constam na listam também devem estar anónimas.

Com os melhores cumprimentos."

2 comentários:

  1. "25 de Abril" por onde andas???É no ensino e em tudo. Voltámos ao antigamente, pois até para dizermos que alguma coisa não está bem, temos de o fazer anonimamente.

    Que pouca vergonha vai por este país fora!...

    Obrigada amiga por nos trazeres temas como este.

    Bjs

    ResponderEliminar
  2. Uma vergonha sem nome!
    Mas estas irregularidades têm que ser repostas

    ResponderEliminar