sexta-feira, 5 de março de 2010

Para as Mulheres: estudo sobre infidelidade masculina


Estudo associa infidelidade masculina a QI mais baixo

"Homens que traem as esposas e namoradas tendem a ter um quociente de inteligência (QI) mais baixo. A conclusão é de um estudo publicado na revista "Social Psychology Quarterly".
"Homens inteligentes estão mais propensos a valorizar a exclusividade sexual do que homens menos inteligentes”, revela o estudo.
De acordo com o mesmo, as pessoas que acreditam na importância da fidelidade sexual para uma relação demonstraram QI mais alto.
O ateísmo e o liberalismo político também são características de homens mais inteligentes."


Este artigo, publicado esta semana pelo Jornal "i" não refere qual a amostragem populacional que originou tais conclusões, o que seria indispensável para averiguarmos a sua fiabilidade.

De qualquer modo, não deixo de achar curioso o resultado. Quiçá, tranquilizador, se nos movermos em certos meios e com certas exigências intelectuais...
Não sei, digo eu, que isto em matéria de relações amorosas, como dizia o Brecht, "O que é seguro, não é seguro"!

Deixo à vossa consideração de mulheres credibilizarem, ou não, esta conclusão, consoante a vossa experiência e sensibilidade...

1 comentário: