quarta-feira, 9 de junho de 2010

Dia Mundial dos Oceanos


Foi ontem, a recordar Jacques-Yves Cousteau, o homem que representa, por assim dizer, o maior aventureiro e investigador da vida marinha no século XX.
O comandante Cousteau, a bordo do seu Calypso, desenvolveu inúmeras pesquisas oceanográficas e foi seguido pelos seus filhos e viúva.
Realizou diversos documentários e até ganhou um Óscar, mas a sua maior proeza foi a construção em 1965 de uma casa no fundo do mar, a 100 metros de profundidade, que chegou a ser habitada durante um mês.
O Calypso está ser restaurado para comemorar o centenário de Jacques-Yves Cousteau, de forma a tornar-se um museu vivo. Ler aqui.


Nota: Calypso era a deusa do Mar na mitologia grega.

1 comentário:

  1. Cousteau foi tudo de bom mesmo!! Parabéns!! Boa noite, beijos no seu coração Helena! :)

    ResponderEliminar