sexta-feira, 12 de junho de 2009

Fenprof poderá abandonar as negociações com o Ministério da Educação hoje


"A Fenprof poderá abandonar as negociações com o Ministério da Educação, marcadas para esta sexta-feira, caso Maria de Lurdes Rodrigues não recue em relação ao Estatuto da Carreira Docente e ao modelo de avaliação de desempenho.

«A Fenprof admite ser inútil e até negativa a participação em reuniões que apenas serviriam para iludir os professores, fazendo parecer que há negociação sem, de facto, haver», pode ler-se no comunicado enviado às redacções.

No entanto, a Federação liderada por Mário Nogueira até «parte para esta reunião com uma natural expectativa positiva», devido à derrota do PS nas europeias: «Está criado um novo cenário político que abre perspectivas reais de mudança e, no imediato, de alteração da postura anti-negocial do Ministério da Educação.»

Caso nada seja mudado, a Fenprof avisa que «os professores poderão ter de prosseguir as suas grandes lutas, talvez ainda este ano escolar ou, provavelmente, em Setembro»."

IOL Diário 11-06-2009 - 21:17h

Sem comentários:

Enviar um comentário